Cópia de Piero SolaPNG.png

Soluções inovadoras em energia renovável
(11) 94014 - 2474 / (11) 4210 2630 - contato@pierosolar.com.br

BLOG PIERO SOLAR

Energia solar em condomínios
(por Vanicio Pinheiro - Café com Energia)


Você poderá fazer o sol trabalhar para você. 

É possível instalar um sistema fotovoltaico em prédios?


Sim, hoje é possível tornar seu condomínio mais sustentável utilizando energia solar por meio da geração compartilhada estipulada pela resolução 687/2015 da Aneel.

Essa geração compartilhada é realizada por múltiplas unidades consumidoras, como é o caso dos condomínios. A energia elétrica gerada será compartilhada entre todos os apartamentos e nas áreas comuns.

Vamos entender melhor como funciona a instalação de placas solares para geração de energia elétrica

Uma empresa especializada irá analisar a viabilidade do caso e propor um projeto com um sistema de energia solar personalizado, no caso, para seu condomínio.

É necessária toda uma documentação junto com a distribuidora de energia e sua aprovação. Após, é possível a instalação dos coletores solares e o início da geração de energia pronta para utilização; de noite, o usuário deve consumir a energia da concessionária, já que não há sol.

Entretanto, no caso da energia injetada na rede ser maior que a energia consumida, o gerador recebe tal crédito que pode ser utilizado para abater da própria conta do fim do mês ou da conta de outro local; por exemplo: a casa de um familiar (estando no mesmo estado), gerando lucros ao usuário.

Portanto, além de diminuir os gastos com a energia vinda da concessionária, caso a produção dos painéis seja maior que o consumo do local, os moradores podem ganhar créditos.

Existem algumas opções de locais para instalação: os telhados de cada prédio são os locais mais indicados, pois recebem mais radiação solar.

Mas se a área destinada à instalação for pequena, o projeto pode não ser viável; ou caso seu condomínio tenha uma grande área externa, instale nas áreas comuns.

Existe ainda a opção de instalação das placas nas fachadas dos prédios. O tamanho do espaço de instalação irá interferir na quantidade de energia gerada, mas mesmo em áreas pequenas, haverá como reduzir a conta de luz dos meses subsequentes.

Se problemas como falta de espaço, baixo índice de radiação solar ou quaisquer outros inviabilizarem o projeto, não se preocupe.

Você poderá simplesmente utilisar o modelo de Usina Solar, desde que seja na mesma área atendida pela concessionária e instalar todas as placas lá e levar energia para esse condomínio.

O princípio funciona como já explicado anteriormente: a energia produzida pelo seu lote vai para a rede de distribuição e essa energia será compartilhada com o proprietário do lote.

Porém, a Aneel só permite ao consumidor utilizar esses créditos de energia dentro da mesma área de concessão, ou seja, no mesmo estado que seu lote se encontra.


 

Condominio terreo.jpg
sustentable2jpg.jpg
paneles-solares-ventanas-autoconsumo-solar.jpg